Redação destaque da turma de Metalurgia 1° ano na Avaliação Global do 2o. trimestre de 2016. IFMG – Campus Ouro Branco.


O consumismo frente à poluição

          O comportamento consumista sempre esteve presente em nossa sociedade, desde as antigas civilizações. No entanto, esse fenômeno se intensificou nas civilizações modernas, com a exploração de matérias-primas e consumo excessivo de produtos, acarretando sérios danos ao meio ambiente.

          Entende-se por consumismo o ato de comprar excessivamente, visando não só o suprimento de necessidades vitais como alimentação, mas também, a satisfação e prestígio social. Contudo, o consumismo apresenta uma forte ligação com a poluição causada pelo lixo, uma vez que a compra excessiva gera um descarte excessivo.

          Émile Durkheim concebe a sociedade como um organismo vivo, cujas as partes – instituições e indivíduos – cumprem determinados papéis. Sua ideologia pressupõe o trabalho conjunto e isso se aplica a nossa atual sociedade, na medida que o descarte de lixo e responsabilidade de cada cidadão. E se trabalharmos juntos obteremos bons resultados.

          Portanto, conclui-se que, a relação consumismo e produção de lixo estão intimamente associadas. Contudo, se a população se conscientizar sobre os possíveis impactos subsequentes ao consumismo e, promover o descarte correto do lixo produzido, teremos uma sociedade mais sustentável sem comprometer o desenvolvimento das futuras gerações.

Anúncios